Outubro Rosa
Notícias
17/08/2012 18h42 - Atualizado em 17/08/2012 18h42
Rodovia Norte/Sul: 3ª etapa das obras depende da transferência das terras da SPU para o Estado
Da Redação - Agência Amapá
A-A+ Tamanho da Letra

Confira outras fotos: aqui.A Secretaria de Estado dos Transportes (Setrap) informou nesta sexta-feira, 17, que as obras na Rodovia Norte/Sul continuam avançando, mas, para dar início à terceira etapa, o Governo do Amapá precisa da autorização da Secretaria de Patrimônio da União (SPU) e da Infraero.

O diretor de Obras da Setrap, Edson Valente, informou que, por determinação do governador Camilo Capiberibe, o secretário de Estado dos Transportes, Sérgio La-Rocque, está em Brasília empenhado na negociação desse entrave para que os trabalhos prossigam. "Não queremos que tenha atraso no prazo de entrega da obra para a população", ponderou o diretor.

Diretor de Obras da Setrap, Edson Valente, visualizando a área das obras da rodovia Norte/Sul Ele explicou ainda que a transferência das terras para o Estado está sendo vinculada à remoção de famílias que moram no entorno dos bairros do Pacoval e Infraero II. "Essas exigências são difíceis. Não podemos aceitar certas imposições, logo agora que estamos avançando muito nos trabalhos. Contamos com a ajuda da bancada federal para um melhor diálogo junto à Infraero".

Obra

A Rodovia Norte/Sul é uma importante ação do governo do Estado, que está dentro do maior Programa de Obras e Ações para Mudar o Amapá (PROAMAPÁ). Os trabalhos foram divididos em três lotes, sendo que dois já estão em execução.

A obra é considerada um avanço que completa o progresso da zona Norte de Macapá, desafogando o trânsito conturbado pelos mais de 25 mil veículos que atualmente só têm a Rodovia Tancredo Neves como opção. Ela beneficia diretamente os mais de 120 mil moradores dos dez bairros do Norte da capital com mais uma escolha de tráfego, e valorizará os imóveis das proximidades.

Fabíola Gomes/Secom

Cadastre-se para receber o Boletim Eletrônico
Nome
E-mail
Assessorias
Secretaria de Estado da Comunicação