Notícias
02/08/2012 16h23 - Atualizado em 02/08/2012 16h23
Sesa implantará posto de coleta de leite humano no Hospital São Camilo
Da Redação - Agência Amapá
A-A+ Tamanho da Letra

Desde a última quarta-feira, 1° de agosto, a coordenação do Banco de Leite Humano (BLH) do Hospital da Mulher Mãe Luzia (HMML) vem desenvolvendo várias atividades alusivas à XX Semana Mundial do Aleitamento Materno. Uma das ações realizadas pela equipe do BLH é o curso de manejo para profissionais da atenção básica de Macapá e Santana, que acontece na Escola Graziela Reis de Souza.

As atividades da Semana Mundial do Aleitamento Materno se encerram na terça-feira, 7, com a implantação de um posto de coleta de leite humano no Hospital São Camilo. A solenidade acontece a partir das 10h.

Durante as ações foi firmado um convênio entre Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) e Corpo de Bombeiros Militar do Amapá para a execução do projeto "Bombeiro Amigo do Peito", que visa ampliar a captação de doadoras de leite humano com a ajuda da corporação.

Além disso, no último dia da ação (07/08), será implantado mais um posto de coleta de leite humano no Hospital São Camilo, com o objetivo de captar novas doadoras para aumentar a produção do BLH. Existe uma unidade de coleta no município de Santana, mas a coordenadora do Banco de Leite Humano, Andréa Marvão, estima que, com essa nova unidade, a quantidade de doadoras será crescente.

"Temos cerca de 200 doadoras de leite, contudo, esse número é insuficiente, pois atendemos toda a rede de saúde da capital. Com a nova unidade iremos aumentar nosso número de doadoras e o novo posto terá a capacidade de atender cerca de 400 mães/mês, e isso com certeza irá nós ajudar", explica a coordenadora.

Ajudando a amamentar

Ao contrário do que muitos pensam, o Banco de Leite não é um lugar que serve somente para coletar e distribuir leite humano. A instituição tem um papel fundamental no processamento, controle de qualidade, estocagem e orientações que são repassadas às mães sobre como amamentar corretamente. Criando em 2002, o Banco de Leite Humano está vinculado à Maternidade Mãe Luzia e vem desenvolvendo um papel essencial na vida das mães que ganham bebê pela primeira vez.

Andréa Marvão diz que as mães que buscam o Banco conhecem a importância de amamentar seu filho, mas os profissionais têm de se preparar para tirar as dúvidas e orientar as mães sobre a forma correta de amamentação.

"Não basta a mulher estar informada das vantagens do aleitamento materno e optar por essa prática. Para levar adiante sua opção, ela precisa estar inserida em um ambiente favorável à amamentação e contar com o apoio de profissionais habilitados para ajudá-la", finaliza Andréa Marvão.

Alieneu Pinheiro/Sesa

Cadastre-se para receber o Boletim Eletrônico
Nome
E-mail
Assessorias
Secretaria de Estado da Comunicação